Saturday, 01 April 2017 23:19

59. A quinta trombeta: forças prontas para batalha * Apocalipse 9:1-12 - Parte 3 de 4

Written by

7    E o parecer dos gafanhotos era semelhante ao de cavalos aparelhados para a guerra; e sobre as suas cabeças havia umas como coroas semelhantes ao ouro; e os seus rostos eram como rostos de homens.

8    E tinham cabelos como cabelos de mulheres, e os seus dentes eram como de leões.

9    E tinham couraças como couraças de ferro; e o ruído das suas asas era como o ruído de carros, quando muitos cavalos correm ao combate.

10  E tinham caudas semelhantes às dos escorpiões, e aguilhões nas suas caudas; e o seu poder era para danificar os homens por cinco meses.

 

Parte 3 - Apocalipse 9:7-10

 

*** A aparência dos gafanhotos ***: Após estudarmos os primeiros 6 versos de Apocalipse 9, fica claro que João usa o conceito de gafanhotos para representar as forças satânicas agindo na Terra. Nos últimos dois estudos, vimos quem são essas forças e o que estão fazendo. Apocalipse 9:7-10 nos dá os detalhes da aparência desses gafanhotos. João usa uma série de símbolos para descrever quão amedrontador é o bando de gafanhotos. João parece seguir o conteúdo e a linguagem de Joel 2:4-10. É possível que a descrição estranha dos gafanhotos seja para ser entendida como um todo, ao demonstrar a tormenta terrível que eles irão trazer. Mas vale à pena ver quais conceitos encontramos na Bíblia que podem nos ajudar a compreender a natureza do inimigo de Deus.

Gafanhotos como cavalos de guerra: Frequentemente, no Antigo Testamento, cavalos estão associados com um exército (1 Reis 20:25;  1 Reis 4:26; Êxodo 14:23;  2 Crônicas 1:14; Jeremias 46:4). O bando de gafanhotos aparenta estar pronto para guerra. Os gafanhotos já estão nessa guerra há muito tempo. Ela começou no Céu (Apocalipse 12:7-9), antes da queda de Satanás. Podemos ver que os gafanhotos vêm guerreando, espiritualmente, contra aqueles que possuem o selo de Deus. Apocalipse 12:11 nos diz que a maneira de vencer o mau e ser vitorioso nessa guerra, é "pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho". Esses gafanhotos semelhantes a cavalos estão em uma missão de machucar as pessoas e de atormentá-las com mentiras que as afetam espiritualmente. Isso pode ser visto como um contraste aos cavalos mencionados nos Sete Selos. Quando estudamos os selos, vimos que o primeiro cavaleiro tinha uma missão de conquistar (Apocalipse 6:2). Cavalo e cavaleiro saíram para conquistar para Deus. Essa conquista é o símbolo da Verdade se espalhando, à medida que o Evangelho é pregado por todo o mundo (estudo #38). Os gafanhotos saindo do poço do abismo se parecem com cavalos, mas eles não são os mesmos cavalos encontrados no exército de Deus. Eles saem em uma missão exatamente contrária: espalhar informações falsas.

Coroas semelhantes ao ouro: A palavra grega usada aqui para 'coroa' é a palavra stephanos, que é a coroa de vitória, e não a coroa real. A Bíblia nos ensina que iremos receber a coroa stephanos quando a vitória de Cristo se tornar evidente, após Seu retorno (2 Timóteo 4:8; 1 Pedro 5:4). Além disso, aqueles com o selo de Deus passam a vestir o robe branco de vitória após saírem da tribulação (Apocalipse 7:9). Os gafanhotos, no entanto, possuem sua própria versão da vitória, diferente daquilo que Deus estabeleceu. Nesse sentido, os gafanhotos estão enganando o mundo com sua aparência impressionante. Ao falar sobre a tribulação, Jesus nos alertou a respeito de como falsos profetas iriam fazer de tudo para enganar as pessoas (Mateus 24:24).

Rostos como rostos de homem: Essa não é a primeira vez em que a Bíblia descreve um inimigo de Deus como tendo feições humanas. Lemos em Daniel 7:8,25 sobre o chifre pequeno que tinha "olhos, como os de homem, e uma boca que falava grandes coisas" "contra o Altíssimo". As entidades satânicas, representadas pelos gafanhotos, são parecidas com os humanos. Por outro lado, os seres humanos foram criados à imagem e semelhança de Deus (Genesis 1:27). Quando Deus criou o homem, Deus deu a ele vida e uma natureza espiritual. O rosto humano que os gafanhotos possuem faz com que eles pareçam ter algum valor espiritual.

Cabelo como de mulheres: Nas analogias bíblicas, o termo mulher é sempre usado como símbolo de Igreja, seja esta fiel ou não (Jeremias 6:2; Isaías 51:16; Efésios 5:25-32; veja outras referências bíblicas no estudo #20). O componente "mulher" na descrição dos gafanhotos, sugere que o inimigo também se apresenta na forma de igreja.

Dentes como de leão: Em Joel 1:1-12, lemos sobre como a terra seria destruída pelos gafanhotos. Mas quem realmente causaria a destruição não seriam os gafanhotos. Seria a nação que tinha dentes de leão (Joel 1:6). No livro de Salmos, Davi usou a imagem de dentes como um símbolo de como o povo poderia se tornar vítima das mentiras do leão (Salmo 57; Salmo 58). Os dentes de leão sugerem que os gafanhotos também possuem uma força governamental.

Couraças como de ferro: A couraça é uma parte da armadura projetada para proteger o coração e outros órgãos vitais. Em Efésios 6:10-17, lemos sobre a armadura de Deus. O verso 14 desse trecho nos diz que os cristãos devem usar couraças feitas de justiça. A justiça de Deus é o que protege o coração daquele que crê, dos ataques do inimigo. Os gafanhotos de Apocalipse também têm couraças , mas elas não são feitas de um material espiritual. Elas parecem ser feitas de ferro. Voltando ao assunto do pequeno chifre em Daniel 7, que tinha feições de homem, vemos algo muito interessante. O pequeno chifre saiu da quarta besta, que tinha "dentes grandes de ferro" (Daniel 7:7-8). Daniel usou a ideia de uma besta para representar reinos (Daniel 7:17). Baseado na descrição do leão vista em Joel 1:6, e Daniel 7:17, vemos que as atividades satânicas descritas em Apocalipse 9 estão, de uma certa forma, envoltas por uma nação governando aqui na Terra.

Ruídos das asas: Mais uma vez, vemos uma forte semelhança da quinta trombeta com  com Joel 2. Joel 2:5 diz: "Como o estrondo de carros, irão saltando sobre os cumes dos montes, como o ruído da chama de fogo que consome a pragana, como um povo poderoso, posto em ordem para o combate." Em Joel 2:4-5, vemos que os cavalos de guerra correm e as carruagens saltam sobre os topos das montanhas. O verso em Apocalipse usa a palavra 'asas'. Temos aqui, não somente o conceito de um exército correndo, mas também voando. Apocalipse 9:9 dá ao leitor a ideia de movimento, velocidade e som alto, aos gafanhotos se moverem ferozmente em direção à guerra. Eles parecem estar atacando: "quando muitos cavalos correm ao combate." (Apocalipse 9:9).

Caudas: No estudo #58, aprendemos: "o profeta que ensina a falsidade é a cauda", e ele será cortado de entre o povo de Deus (Isaías 9:14-15). O veneno do escorpião está na cauda. Os escorpiões usam suas caudas para injetar veneno em suas vítimas. O foco do simbolismo nesse trecho são as mentiras que estão envenenando aqueles que não têm o cuidado de se protegerem com a verdade de Deus. A formação militar dos gafanhotos nos informa que eles estão prontos para batalha, mas que seu ataque contra as pessoas acontece a nível espiritual, através de mentiras e enganos. Eles estão no meio de uma guerra espiritual.

*** O poder de danificar por cinco meses ***: O poder dessa entidade estranha, parecida com cavalo e escorpião, vai afetar as pessoas com suas mentiras por um período limitado de tempo: cinco meses. Como vimos no estudo #58, esse período nos lembra de alguns exemplos na Bíblia, mais especificamente da história da Arca de Noé (veja o estudo #58 para uma explicação detalhada sobre o período de cinco meses).

*** Visão Geral ***: O exército de gafanhotos representa as forças demoníacas em uma formação de ataque. Suas armas são muito perigosas: ensinamentos falsos que podem confundir as pessoas e levá-las para longe da verdadeira mensagem de Deus. Os ataques estão somente direcionados às pessoas que não receberam o selo de Deus (Apocalipse 9:4). Aqueles com Seu selo são imunes a esses ataques, porque quando eles passam a conhecer e a viver a Verdade, eles não mais acreditam em nenhumas das mentiras que são apresentadas a eles. Ainda há tempo para os habitantes da Terra se arrependerem e se voltarem a Deus. O alerta da quinta trombeta os informa de sua vulnerabilidade aos ataques do inimigo. Também tem o propósito de relembrar os que possuem o selo de Deus acerca da força que podem ter contra o inimigo através do sangue de Jesus Cristo.

   

Bíblia - JF de Almeida RC  

   
   
© Hello-Bible 2016